The bioethics in the management of nursing work process: a reflecion
HTML
HTML (Español (España))
HTML (Português (Brasil))
PDF
PDF (Español (España))
PDF (Português (Brasil))

Keywords

Nursing
Professional Practice management
Bioethics Enfermagem
Gerenciamento da Prática Profissional
Bioética. Enfermagem
Gerenciamento da Prática Profissional
Bioética.

Abstract

This article refers to the ethic and bioethics in the nursing practice, having the purpose of providing to the nurses some reflection which will bring closer the knowledge of ethic and bioethics to the management of work process in nursing. To evidence this study, the nursing profession will be described briefly considering concept as work and work process. The work process in nursing, according to some theories, is under the following concepts : Caring, managing and teaching. The prominence of this study originates from the possible contribution for the enrichment of nursing professional practice once this will allow the critical analysis of this professional into the definition of beneficial, just and adequate behavior/positioning for all the involved in the nursing work process.

https://doi.org/10.17665/1676-4285.20054860
HTML
HTML (Español (España))
HTML (Português (Brasil))
PDF
PDF (Español (España))
PDF (Português (Brasil))

References

Leopardi MT, Gelbcke FL, Ramos FRS. Cuidado: objeto de trabalho ou objeto epistemológico da enfermagem? Texto Contexto Enferm 2001 Jan-Abr; 10(1): 32-49.

Marcon PM. Proposta de um instrumento de auto-análise crítica para o Processo de Trabalho Gerencial da Enfermagem, fundamentado nos princípios da Bioética. [Monografia] Florianópolis (SC): Universidade Federal de Santa Catarina; 2004.

Mesquita MPRL. A Dimensão Gerencial da Identidade profissional da (o) Enfermeira (o) na percepção da equipe de enfermagem: uma perspectiva de construção coletiva. [dissertação]. Florianópolis (SC): Universidade Federal de Santa Catarina; 2002.

Ramos FRS, Martins CR. Ética e cotidiano: uma motivação para o debate em saúde. Texto Contexto Enferm 2002 Jul-Dez; 4(2): 60-72.

Abbagnano N. Dicionário de Filosofia. São Paulo:Martins Fontes; 2000.

Capella BB. Uma abordagem sócio-humanista para um “modo de fazer” o trabalho de enfermagem. Pelotas: Universitária/UFPEL; Florianópolis: Programa de Pós-Graduação em Enfermagem/UFSC; 1998.

Geovanini T. et al. História da Enfermagem: versões e interpretações. Rio de Janeiro: Revinter;1995.

Ramos, FRS. et al. Cuidado: essência da enfermagem. In: Prado ML, Gelbcke FL. Fundamentos de Enfermagem. 2a ed. Florianópolis: Cidade Futura; 2002. p.15-30.

Kurcgant P, coordenadora. Administração em Enfermagem. São Paulo: EPU; 1991.

Santos SR, Moreira RC. The nurse’s leadership: challenges of the practice. Online Brazilian Journal of Nursing (OBJN-ISSN 1676-4285) [online] 2004 December 3(3) Available in: www.uff.br/nepae/objn303santosetal.htm

Londono GM, Morera RG, Laverde GP. Administração Hospitalar. Tradução Marcelo T. de Alvear. 2a ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2003. Título original: Administracion hospitalaria.

Fortes PAC. Ética e Saúde: questões éticas, deontológicas e legais. Autonomia e direitos do paciente. São Paulo: EPU;1998.

Beauchamp TL, Childress JF. Pricípios de Ética Biomédica. Tradução Luciana Pudenzi. São Paulo: Loyola; 2002. Título original: Principles of Biomedical Ethics.