Cover Image

Associação entre resiliência, qualidade de vida e uso de substâncias em emergência psiquiátrica: estudo transversal

Luiza de Lima Beretta, Mauro Leonardo Salvador Caldeira Dos Santos, Patrícia Dos Santos Claro Fuly, Lina Márcia MIGUÉIS BERARDINELLI, Willian Alves Dos Santos

Abstract


RESUMO

Objetivos: identificar possíveis associações entre qualidade de vida, uso de substâncias e resiliência de profissionais de saúde em emergência psiquiátrica. Método: estudo exploratório transversal, abordagem quantitativa. Amostragem não probabilística de conveniência, com 18 participantes. Critérios de inclusão: profissionais de saúde de nível superior e médio, de ambos os sexos, que trabalhem na emergência do hospital. Critérios de exclusão: menos de três meses de contratação, de licença ou férias. Coleta de dados em dezembro de 2016, por meio de três questionários sobre qualidade de vida, resiliência e uso de substâncias, totalizando 59 perguntas. Respostas analisadas por estatística, utilizando-se o programa SPSS. Estudo aprovado em comitê de ética. Resultados: associaram-se os domínios físico e ambiental do teste de qualidade de vida para indivíduos que consomem derivados do tabaco, não sendo evidenciada relação com resiliência. Não houve outras associações.

 

Palavras-chave: Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias; Resiliência Psicológica; Qualidade de Vida.


Keywords


Transtornos Relacionados ao Uso de Substâncias; Resiliência Psicológica; Qualidade de Vida.

References


Gitterman A, Knight C. Promoting resilience through social work practice with groups: Implications for the practice and field curricula. Journal of SocialWork Education [revista em Internet], 2016 [acesso em 07 out 2019]; 52(4):448-461. Disponível em: http://www.tandfonline.com/doi/full/10.1080/10437797.2016.1198295.

Horner H. Resilience. Journal of Pediatric Care, 2017; 31(3):384-390. DOI: 10.1016/j.pedhc.2016.09.005.

Brolese DF, Lessa G, Santos JLG, Mendes JS, Cunha KS, Rodrigues J. Resilience of the health team in caring for people with mental disorders in a psychiatric hospital. Rev Escola Enferm USP, 2017; 51(0). DOI: 10.1590/s1980-220x2016026003230.

Pitta AMF. Um balanço da reforma psiquiátrica brasileira: instituições, atores e políticas. Ciênc. saúde coletiva [revista em Internet], 2011 dez [acesso em 22 mai 2019]; 16(12):4579-4589. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1413-81232011001300002&lng=en&nrm=iso.

Stoddard FJ Jr., Ryan CM, Schneider JC. Physical and psychiatric recovery from burns. Psychiatric Clinics of North America, 2015; 38:105-120.

The World Health Organization Quality of Life assessment (WHOQOL): position paper from the World Health Organization.Soc Sci Med. 1995 Nov; 41(10):1403-9.

Eicher M, Matzka M, Dubey C, White K. Resilience in adult cancer care: an integrative literature review. Oncol Nurs Forum, 2015 [acesso em 07 out 2019]; 42(1):E3–E16. Disponível em: https://doi.org/10.1188/15.ONF.E3-E16.

Khireddine-Medouni I, Lemaître A, Homère J, et al. La souffrance psychique en lien avec le travail chez les salariés actifs en France entre 2007 et 2012, à partir du programme MCP. Bulletin Épidémiologique Hebdomadaire, 2015; 23:431. DOI: 10.1016/j.admp.2016.03.193.

United Nations. United Nations Office on Drugs and Crime. World Drug Report. Nova York, 2016. Disponível em: https://www.unodc.org/wdr2018/.

Brusamarello T, Maftum M, Mazza VA, Silva AG, Silva TL, Oliveira VC. Papel da família e da escola na prevenção do uso de drogas pelo adolescente estudante. Ciência, Cuidado e Saúde, out-dez 2010; 9(4):766-73.

Sousa VFS, Araujo TCCF. Estresse ocupacional e resiliência entre profissionais de saúde. Psicol Ciênc Profissão, 2015; 35(3):900-15.

Souza SRC, Oliveira EB, Mauro MYC, Mello R, Kestemberg CCF, Paula GS. Cargas de trabalho de enfermagem em unidade de internação psiquiátrica e a saúde do trabalhador. Rev Enferm UERJ, 2015; 23(5):633-8.

Li H, Cheng B, Zhu XP. Quantification of burnout in emergency nurses: A systematic review and meta-analysis. Int Emerg Nurs. [revista em Internet], 2018 [acesso 9 ago 2018]; 39:46–54. Disponível em: https://www.sciencedirect.com/science/article/pii/S1755599X17301738?via%3Dihub.

Leite DF, Nascimento DDG, Oliveira MAC. Qualidade de vida no trabalho de profissionais do NASF no município de São Paulo. Physis [revista em Internet], 2014 [acesso em 2 fev 2017]; 24(2):507-525. Disponível em: http://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0103-73312014000200507&lng=en&nrm=iso.

Amaral JF, Ribeiro JP, Paixão DX. Qualidade de vida no trabalho dos profissionais de enfermagem em ambiente hospitalar: uma revisão integrativa. Revista Espaço Para a Saúde [revista em Internet], jan-mar 2016 [acesso em 7 out 2018]; 16(1);66-74. Disponível em: http://30.srv02.fainor.com.br/revista/index.php/memorias/article/download/570/280.

Felix Junior IJ, Schlindwein VLDC, Calheiros PRV. A relação entre o uso de drogas e o trabalho: uma revisão de literatura PSI. Estudos e Pesquisas em psicologia [revista em Internet], jul 2016 [acesso em 14 mar 2018]; 16(1):104-122. Disponível em: http://pepsic.bvsalud.org/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S1808-42812016000100007&lng=pt&nrm=iso.

Waugh CE, Koster EH. A resilience framework for promoting stable remission from depression. Clinical Psychology Review [revista em Internet], nov 2015 [acesso em 7 jan 2018]; 4(1):49-60. Disponível em: https://www.ncbi.nlm.nih.gov/pubmed/24930712.

Mcdonald G, Jackson D, Vickers MH, Wilkes L. Surviving workplace adversity: a qualitative study of nurses and midwives and their strategies to increase personal resilience. J Nurs Manag, 2016; 24(1):123-31.

Prince-Embury S, Saklofske DH. Resilience Interventions For Youth In Diverse Populations. New York, NY: Springer; 2014.

Rudzinski K. Is there room for resilience? A scoping review and critique of substance use literature and its utilization of the concept of resilience.Subst Abuse Treat Prev Policy. 2017 Sep 15;12(1):41.




DOI: https://doi.org/10.17665/1676-4285.20206345



 

The articles published in Online Brazilian Journal of Nursing are indexed, classified, linked, or summarized by:

 

Affiliated to:

Sources of Support:

 Visit us:

   

 

The OBJN is linked also to the main Universities Libraries around the world.

Online Brazilian Journal of Nursing. ISSN: 1676-4285

Creative Commons License
This work is licensed under a Creative Commons:Noncommercial-No Derivative Works License.